MISSIONARIEDADE

Nossa vida tem uma irrenunciável dimensão missionárias, em virtude da qual somos inseridas no caminho eclesial da nova evangelização e de colaboração com a primeira evangelização de tantos homens e mulheres de nosso tempo. Como Carmelitas, de fato somo chamadas, pessoal e comunitariamente, a contagiar todos aqueles que o Senhor poe em nosso caminho, deixando transbordar de todos os modos a plenitude de amor que Deus nos dá: de fato, a “boca fala da abundância do coração”.

Nossa vocação especifica no Carmelo nos indica com clareza com qual estilo nos devemos colocar a serviço dos irmãos: o estilo amável, ardente e discreto de Maria de Nazaré, que moveu o coração dos missionários de todas as épocas. Caracterizado pelo ardor do anúncio do evangelho do amor e da paz, pelo compromisso com a justiça, pela vivacidade e criatividade em individualizar modalidades concretas para um serviço evangelicamente eficaz, pela abertura à colaboração com todos aqueles que buscam sinceramente o Reino de Deus e pelo respeito à cultura de cada povo.

Missionariedade

Com Maria e como ela queremos oferecer uma presença atenta e solicita na Igreja local onde vivemos, para poder anunciar o Senhor Jesus com toda nossa existência, com nossas instituições em favor dos jovens, das crianças e das famílias, com nossa vida comunitária. Queremos seguir Cristo e, por isso, imitá-lo na humildade do serviço e cuidar dele nos irmãos com a mesma amabilidade e disponibilidade com que a Mãe de Deus acompanhou Isabel, seguiu o crescimento de Jesus, participou das bodas de Caná e sustentou os primeiros passos da vida da Igreja, disponíveis para participar também do sofrimento redentor da cruz do Senhor em seus “pequenos”