Pela primeira vez as pioneiras pisaram no continente latino americano. No seu diário de viagem Irmã Virginia conta “ O primeiro a saudar-nos é o Redentor, que com os braços abertos, parece que nos convida a ter confiança nele e em seu coração divino”. Foi a chegada ao Rio de Janeiro no dia 16 de dezembro de 1947.

Exatamente 70 anos depois no dia 16 de dezembro de 2017, na Sede Provincial, celebramos a chegada das Irmãs: Irmã Inês, Irmã Eliana, Irmã Virginia e Irmã Grazieta ao Brasil. Foi um dia especial de festa e de gratidão ao contemplar os inúmeros frutos que a providência concedeu à Igreja do Brasil com o Carisma da Congregação trazido e implantado no pelas corajosas Irmãs Carmelitas Missionárias de Santa Teresa do Menino Jesus.

Na alegria do encontro e motivadas pelo ano jubilar, às 16h00 tivemos a celebração Eucarística em Ação de Graças presidida pelo nosso Arcebispo Dom Paulo Mendes Peixoto, com a participação das Irmãs das Comunidades Santa Teresinha, Maria Rainha da Paz, Padre Lourenço e Irmã Ilma que veio da Comunidade São José, além do Grupo de Leigos Carmelitas de Uberaba, e grande número de amigos e fiéis. Após a Missa fomos agraciadas com o título de honra ao Mérito concedido à Congregação pela Câmara Legislativa de Uberaba, reconhecendo o relevante serviço prestado à Comunidade.

Muito motivos nos unem nesse ano jubilar, fazendo memória da chegada das pioneiras, celebramos também a fidelidade de tantas Irmãs que, pela doação de sua vida, são testemunhas proféticas dos valores da Vida Religiosa. Nesses 70 anos muitas Irmãs ofereceram seus talentos e seu tempo, doando-se aos diversos trabalhos missionários e mantiveram acesa a chama da esperança e do Carisma dos Fundadores em terras brasileiras.

 

Que Santa Terezinha nos ajude a sermos missionárias até a consumação dos séculos.

AVANTE CARMELITAS!

 

Irmã Maria Silvoneide da Silva